Ucrânia: Zelensky recusa assinar acordo de paz com Rússia

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, reafirmou nesta terça-feira, 06 de dezembro, a sua recusa em assinar um acordo de paz com a Rússia. Isto porque acredita que o seu homólogo russo, Vladimir Putin, vai acabar por violar o compromisso. 

Zelensky deu o exemplo do Memorando de Budapeste de 1994, altura em que a Ucrânia renunciou a ficar com armas nucleares da extinta União Soviética em troca de o Estado russo respeitar a soberania e o território ucraniano. 

De acordo com o governante, citado pela “Lusa”, a assinatura desse tratado “dá resposta a muitas das questões atuais” sobre a Rússia, motivo que leva a Ucrânia a reiterar a sua recusa em “assinar algo com esses terroristas”

Acresce o facto de o Kremlin continuar a mandar mísseis russos para a Ucrânia, o que tem afetado instalações de infraestrutura de energia e forçado a empresa estatal Ukrenergo a realizar cortes de energia de emergência. 

“Com o ataque de mísseis, a Rússia marcou outro aniversário da assinatura do Memorando de Budapeste. Um documento cujo destino fornece respostas para muitas das questões atuais sobre a Rússia. Assinar algo com esses terroristas não traz a paz”, concluiu Zelensky na mensagem diária à população do país. 

Para o dirigente, “ceder quaisquer elementos de segurança à Rússia significará uma nova guerra (…). Só a libertação de toda a nossa terra e levar os assassinos à justiça pode trazer a paz”.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Mais de setecentos funcionários e agentes do Estado afetos ao Conselho autárquico de Nacala, na província de Nampula, encontram-se em…
Cabo Verde: UCID comenta mensagem de Ano Novo do PR

Cabo Verde: UCID comenta mensagem de Ano Novo do PR

O líder da UCID, João Santos Luís, comentou nesta terça-feira, 03 de janeiro, a mensagem de Ano Novo do Presidente…
Brasil: Lula assina primeiros decretos para o novo governo

Brasil: Lula assina primeiros decretos para o novo governo

No dia em que assumiu a presidência do Brasil pela terceira vez, Luiz Inácio Lula da Silva assinou vários decretos…
Moçambique: Arrancou a edição de 2023 do Recenseamento Militar

Moçambique: Arrancou a edição de 2023 do Recenseamento Militar

Arrancou ontem, 03 de janeiro, em Moçambique, o processo de Recenseamento Militar edição 2023, sob o lema: “Recenseamento Militar: Promovendo…