UE aprova pacote de mil milhões de euros para Afeganistão

A União Europeia (UE) informou esta terça-feira, 12 de outubro, que vai disponibilizar uma verba de mil milhões de euros para dar apoio humanitário ao povo afegão. O objetivo é assegurar necessidades básicas, em benefício direto dos cidadãos do Afeganistão e dos países vizinhos. 

O pacote em questão inclui 300 milhões de euros para fins humanitários já acordados. Trata-se de uma ajuda humanitária acompanhada de apoio adicional especializado para vacinação, abrigo, proteção de civis e dos direitos humanos. 

A Comissão Europeia está também a trabalhar para tornar possível o uso de fundos destinados ao Afeganistão, na ordem dos 250 milhões de euros, para apoio humanitário ao povo afegão em necessidades urgentes, nomeadamente no domínio da saúde. 

Este financiamento vai ser atribuído em apoio direto à população local e será canalizado para organizações internacionais no terreno, respeitando os princípios de compromisso estabelecidos pelas Conclusões do Conselho acordadas pelos ministros dos Negócios Estrangeiros da UE a 21 de setembro. 

No total, as diferentes vertentes de apoio ao povo afegão atingirão cerca de mil milhões de euros. O anúncio formal vai ser feito esta terça-feira pela presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, durante a reunião extraordinária por videoconferência do G20, organizada pela Itália, sobre o Afeganistão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin