Magrebe | Segurança

Líbia: Grupo filiado no Estado Islâmico reivindica ataque

Um militar do Estado Islâmico no leste da Líbia reivindicou o ataque com um camião-bomba contra uma base da polícia, na cidade de Zliten, que matou pelo menos 60 polícias e feriu cerca de 200.

Em comunicado publicado em contas de Twitter de simpatizantes, várias horas após o ataque de quinta-feira, 7 de janeiro, o grupo que se autodenomina “Estado Islâmico Província Barqa” disse que o ataque foi realizado por Abu al-Abbas al-Muhajir. O último nome, al-Muhajir, sugere que o atacante não é líbio.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo