Israel: Netanyahu promete “solução iminente” para túneis de Gaza

O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu, afirmou na quarta-feira, aos líderes das comunidades israelitas, localizadas perto da Faixa de Gaza, que o exército está a trabalhar no sentido de acabar com a ameaça de ataques dos túneis do território litoral da Palestina.

No âmbito de uma reunião com os dirigentes municipais, o primeiro-ministro reiterou que as Forças de Defesa Israelitas (IDF) estão perto de “encontrar uma solução iminente para o problema dos túneis de Gaza”, adiantando, citado pelo Haaretz, que o exército está a aplicar a mais recente tecnologia e que foi destinado um orçamento para a missão.

Desde 2004, Israel gastou mais de 250 milhões de dólares em tentativas para impedir a construção de túneis por baixo da fronteira de Israel-Gaza, de acordo com uma reportagem da televisão israelita.

Durante a guerra Israel-Hamas, em 2014, atiradores palestinianos emergiram de túneis, em diversas ocasiões, armando emboscadas aos soldados das IDF, causando várias mortes.

De acordo com as IDF, foram destruídos mais de 30 túneis do Hamas durante o conflito de 50 dias, cerca de um terço da totalidade, espalhados através da fronteira de Gaza até Israel.

Em 2014, o Egipto começou a construir uma zona tampão na sua fronteira com Gaza, e destruiu centenas de túneis, supostamente usados para contrabandear armas e outros artefactos, Desde setembro do ano passado, as forças militares egípcias lançaram água do mar nos túneis subterrâneos entre a península do Sinai e a Faixa de Gaza, numa campanha para erradicar o contrabando.

Os oficiais do Hamas comprometeram-se a continuar a construir túneis por baixo da fronteira com Israel, apesar das recentes derrocadas, e vangloriou-se de que alguns túneis estendem-se até Israel.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes revogou neste domingo (20) a decisão, assinada por ele mesmo…
Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Desde o sábado passado, Moçambique está dividido, em resultado do arrastamento pelas águas das chuvas, de duas pontes ao longo…
Brasil: zero imposto

Brasil: zero imposto

Com vistas à eleição presidencial, Governo Federal zera imposto de importação no etanol e de alimentos básicosO governo federal anunciou…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin