Economia | Médio Oriente

Preço do petróleo em queda com a possibilidade de a Arábia Saudita manter a sua capacidade de produção

Os preços do petróleo caíram na Ásia depois de um relatório revelar que a Arábia Saudita poderá manter a sua capacidade total de produção com a expansão de um campo de petróleo, alimentando novas preocupações sobre o excesso da oferta global.

A Saudi Arabian Oil Co. irá completar uma expansão do seu campo petrolífero Shaybah até ao final de maio, permitindo ao maior exportador do mundo manter a capacidade total em 12 milhões de barris por dia, avança a Bloomberg News.

O relatório provocou “nervosismo do mercado”, disse Bernard Aw, analista da IG Markets, em Singapura.”Se os sauditas aumentam a produção substancialmente, a barreira dos 40 dólares pode ser facilmente quebrada. Isso cria um problema que não permitirá o reequilíbrio do mercado de petróleo, nem no primeiro semestre do próximo ano”, disse à agência France Presse.

Os preços caíram na última segunda-feira, após o colapso de uma reunião de grandes produtores que visam o congelamento de saída. No entanto, a queda da produção EUA, assim como a greve no produtor principal do Kuwait e sinais de uma quebra de mercado da China ajudou a impulsionar um aumento de 8,3 por cento ao longo da semana, enquanto  o Brent subiu 4,7 por cento.

Todavia, os preços ainda estão a ser suportados com a esperança de um acordo para congelar a produção a debater na próxima reunião semestral da OPEP prevista para 2 de Junho.

“Ainda há um pouco de otimismo de que os produtores poderão chegar a algum tipo de um acordo em Junho. Os participantes estão sempre muito esperançoso de tais negociações”, observou Aw.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo