Síria: Grupos rebeldes suspendem negociações de paz após violação do cessar-fogo pelo regime sírio

Uma dezena de grupos rebeldes anunciaram esta terça-feira a suspensão das negociações de paz previstas para Astana, no Cazaquistão, depois de forças armadas sírias terem bombardeado hoje novamente uma zona rebelde, perto de Damasco, para tentarem garantir o controlo de nascentes de água vitais para a capital.

Os rebeldes afirmam que estão a respeitar a trégua, mas garantem que o exército sírio e os aliados têm realizado raides e continuam a abrir fogo em várias zonas do país, incluindo nas regiões de Rastan, na província de Homs e em Wadi Barada e Ghuta”, na província de Damasco.

“As violações continuam, as facções rebeldes anunciam o congelamento de todas as discussões relacionadas com as negociações em Astana (capital do Cazaquistão)”, referem, em comunicado

Recorde-se que as negociações de paz, patrocinadas pelo Irão, Rússia, aliada do regime de Damasco, e Turquia, que apoia os rebeldes, estavam previstas para ter início no final de janeiro.

O cessar-fogo foi aprovado no sábado pelo Conselho de Segurança da ONU depois de ter sido dada como terminada a batalha de Aleppo.

Os rebeldes de Wadi Barada advertiram que a continuação dos bombardeamentos ameaça a trégua global. “Pedimos aos padrinhos da trégua para assumirem a sua responsabilidade e pressionarem o regime e milícias aliadas para que ponham termo às violações flagrantes do acordo”, afirmaram, em comunicado, advertindo que caso contrário, “será feito um apelo a todas as facções rebeldes na Síria para não respeitarem o acordo e inflamar as frentes”, em solidariedade com Wadi Barada, cercada pelo regime desde meados de 2015, acrescentou o texto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Cabo Verde: Dívida pública atingiu 152,5% do PIB

Cabo Verde: Dívida pública atingiu 152,5% do PIB

O Ministério das Finanças de Cabo Verde indica que o ‘stock’ da dívida pública aumentou, até julho, 152,5% do Produto Interno…
Moçambique: Autoridades preocupadas com aumento de agiotas

Moçambique: Autoridades preocupadas com aumento de agiotas

O Gabinete Provincial de Combate à Corrupção em Sofala está preocupado com o aumento de agiotagem ou de indivíduos que…
Rússia: Russos incendeiam postos de recrutamento militar

Rússia: Russos incendeiam postos de recrutamento militar

Alguns russos decidiram incendiar postos de recrutamento desde o início da mobilização parcial de reservistas decretada pelo Presidente do país, Vladimir…
Angola: UNITA marcha neste sábado pela liberdade

Angola: UNITA marcha neste sábado pela liberdade

A UNITA convocou no início do mês uma marcha pela liberdade para este sábado, 24 de setembro. O evento foi…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin