América Latina | Mundo

Venezuela: Nicolas Maduro diz que as FANB responderá com dignidade aos insolentes apelos de Donald Trump

O presidente da República da Venezuela, Nicolás Maduro, rejeitou na segunda-feira o discurso do presidente dos EUA, Donald Trump, sobre a Venezuela.

“Donald Trump quer proibir ideologias, diversidade política, e impor um pensamento único da supremacia da Casa Branca (…) Querem-nos impor um modelo colonial, ou pensamos como Donald Trump e como os ‘gringos’, ou não somos nada (… ) eles querem nos escravizar “, disse Maduro durante a instalação do Conselho Presidencial de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Maduro também condenou que o seu homólogo, Donald Trump, pretenda dar ordens ao exército venezuelano. “Hoje esteve a dar ordens aos militares, dando-lhes ordens. Quem é o comandante-em-chefe das Forças Armadas Nacional Bolivariana? Donald Trump acredita ter o direito e as Forças Armadas têm ordem para responder com toda a moral”, disse.

A esse respeito, Maduro assegurou que as FANB responderão com “unidade, moral e dignidade aos apelos insolentes de Donald Trump”.

Por fim, Maduro insistiu que a Venezuela “continuará a trabalhar e defender a pátria de golpes, ameaças e mentiras”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo