Economia

Trabalhadores da Soares da Costa em greve depois do anúncio do despedimento colectivo

Os trabalhadores da construtora Soares da Costa estão esta quinta-feira em greve, como protesto contra o anúncio do despedimento colectivo.

Exibindo faixas e cartazes de protesto, com frases como «os nossos filhos também têm direito ao Natal» ou «não nos tirem o Natal», os trabalhadores da Soares da Costa cumprem um dia de greve protestando em frente à sede da empresa contra o anúncio do despedimento colectivo.

Ontem , quarta-feira, a Soares da Costa anunciou que vai abrir um processo de despedimento coletivo de cerca de 500 funcionários, justificando com a crise em Portugal e Angola, seu principal mercado, e com os prejuízos acumulados nos últimos anos.

A Soares da Costa é controlada em 66,7% pela GAM Holdings, detida pelo empresário angolano António Mosquito, que entrou no capital da construtora no final de 2013, sendo os restantes 33,3% da SDC – Investimentos (ex-Grupo Soares da Costa).

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo