Nacional

Engenheiros e médicos desenvolvem ventilador para apoiar hospitais portugueses

Uma equipa de engenheiros e médicos desenvolveu um ventilador com uma balão auto insuflável, de baixo custo e fácil montagem para apoiar os hospitais portugueses na luta contra o Covid-19.

O projecto liderado pelo Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC) e pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP),desenvolveu este ventilador alternativo, o PNEUMA, com o propósito de possibilitar a libertação dos ventiladores convencionais para os casos mais graves, sendo assim uma alternativa para o apoio a hospitais de segunda e terceira linha.

O dispositivo, inspirado num trabalho original da Universidade de Rice (EUA), é um sistema de compressão e descompressão automática de balão auto insuflável. Assemelha-se a um ventilador de emergência e transporte e pode ser utilizado sem acesso à rede de energia elétrica.

Segundo Nuno Cruz, coordenador do projecto, “O PNEUMA permite o controlo do volume, frequência respiratória e relação inspiração-expiração, incluindo alarmes de deteção de paragem e filtro HEPA para mitigar risco de infeções, entre outras funcionalidades. É baseado num dispositivo médico homologado e que faz parte da rotina médica (balão auto insuflável) e é rapidamente replicável, ou seja, é mais fácil, rápido e económico produzir soluções iguais a esta do que ventiladores novos”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo