Nacional | Sociedade

Governo declara estado de calamidade com caráter preventivo

O Governo  decretou o estado de calamidade pública com caráter preventivo nos distritos do interior, centro e norte, alguns concelhos do distrito de Beja e sotavento algarvio. A medida surge no seguimento das previsões de agravamento do risco de incêndios para os próximos dias.

“Face à previsão do agravamento, nos próximos dias, em particular no fim de semana, do risco de incêndio muito elevado e máximo, com especial incidência nos distritos do interior das regiões do Centro e Norte e alguns concelhos do distrito de Beja e sotavento algarvio, o Governo, por despacho do Primeiro-ministro e Ministra da Administração Interna, vai declarar o estado de calamidade pública com efeitos preventivos naquelas zonas do território nacional.”, anunciou o executivo em comunicado enviado às redações.

O documento acrescenta que o primeiro-ministro António Costa e a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, convocaram uma reunião com o Chefe do Estado-Maior General das Forças Amadas, o comandante geral da GNR, o comandante nacional de Operações de Socorro e ainda o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses.

Segundo as previsões do Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA), as temperaturas vão subir no fim de semana, podendo mesmo ultrapassar os 40 graus em algumas regiões do país. Para hoje, Beja vai chegar aos 39 graus, Castelo Branco e Évora aos 38 e Portalegre aos 37. Amanhã, o calor volta a aumentar nesses distritos, tornando a subir no sábado. O fim de semana começa com termómetros a chegar aos 40 graus em Évora, esperando-se 39 graus para Beja e 38 para Castelo Branco e Portalegre. O IPMA prevê que as temperaturas máximas voltem a subir no domingo.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo