Mário Centeno deixa o Governo e a pasta das Finanças fica com João Leão

O Presidente da República aceitou esta terça-feira a exoneração de Mário Centeno como ministro de Estado e das Finanças, proposta pelo primeiro-ministro, e a sua substituição por João Leão, até agora secretário de Estado do Orçamento.

O Presidente da República recebeu do Primeiro-Ministro as propostas de exoneração, a seu pedido, do Ministro de Estado e das Finanças, Professor Doutor Mário Centeno, e de nomeação, em sua substituição, do Professor Doutor João Leão”, pode-se ler no documento da Presidência da República. “O Presidente da República aceitou as propostas, realizando-se a cerimónia da posse no dia 15 de junho, às 10 horas”.

A saída de Mário Centeno, ministro das Finanças, e ministro do Eurogrupo, foi anunciada no dia em que o Governo discute o orçamento suplementar ao Orçamento do Estado para 2020 devido à crise económica provocada pela pandemia da Covid-19.

De referir que Centeno tem sido apontado para o lugar de governador do Banco de Portugal, restando saber se, e quando, poderá assumir o cargo.

O novo ministro das Finanças, João Leão é doutorado em Economia pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT), EUA e é licenciado em Economia e Mestre em Economia pela Universidade Nova de Lisboa e é professor de Economia no ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa desde 2008, tendo sido secretário de Estado do Orçamento entre 2015 e 2019 no XXI Governo da Republica.

João Leão foi também diretor do Gabinete de Estudos do Ministério da Economia entre 2010 e 2014 e assessor do Secretário de Estado Adjunto da Indústria e do Desenvolvimento entre 2009 e 2010. Desempenhou as funções de presidente da Comissão Científica do Departamento de Economia do ISCTE entre 2009 e 2010 e de diretor do Doutoramento em Economia (2011-2012), sendo ainda investigador da Business Research Unit do mesmo instituto.

O sucessor de Mário Centeno foi membro do Conselho Económico e Social entre 2010 e 2014 e do Conselho Superior de Estatística entre 2010 e 2014. Integrou também a delegação portuguesa no Comité de Política Económica da OCDE em 2010 e 2012, assim como grupos de trabalho no âmbito da OCDE.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Estudo com 4 245 psiquiatras da Europa sobre o estigma associado à doença mental na prática clínica apresenta primeiros resultados

Estudo com 4 245 psiquiatras da Europa sobre o estigma associado à doença mental na prática clínica apresenta primeiros resultados

A promoção de uma cultura laboral que inclua iniciativas anti-estigma e a integração destas ações nos programas de formação em…
Moçambique: População ainda se mantém no posto administrativo de Mucojo apesar da ordem de evacuação

Moçambique: População ainda se mantém no posto administrativo de Mucojo apesar da ordem de evacuação

Ainda há população nas aldeias do posto administrativo de Mucojo, distrito de Macomia, apesar de ter sido decretada a evacuação…
Moçambique: Terroristas atacam Quissanga – sede e ilha Quirimba, em Ibo

Moçambique: Terroristas atacam Quissanga – sede e ilha Quirimba, em Ibo

O último fim-de-semana foi marcado por mais uma investida dos grupos terroristas, no distrito de Quissanga e na ilha Quirimba,…
Cabo Verde: Perfil do candidato Aquilino Varela

Cabo Verde: Perfil do candidato Aquilino Varela

Aquilino Varela é um educador, analista político e defensor apaixonado do desenvolvimento comunitário. Nascido e criado em Gil Bispo, Santa…