Médicos portugueses mantêm greve nos dias 10 e 11 de maio

Os sindicatos médicos mantêm a greve nacional de dois dias prevista para os dias 10 e 11 de maio, anunciaram esta quinta-feira os dirigentes sindicais após uma reunião com o Ministério da Saúde.

A reunião dos sindicatos com o ministro da Saúde não desbloqueou o impasse e a paralisação, vai realizar-se conforme estava agendada.

Os médicos exigem, entre outras reivindicações, a redução do número de horas máxima de urgências, a reposição integral do pagamento das horas extraordinárias e a redução do número de utentes por médico de família.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Brasil: Presidente Lula e Geraldo Alckmin recebe alto executivo da União Europeia

Brasil: Presidente Lula e Geraldo Alckmin recebe alto executivo da União Europeia

O presidente da República do Brasil, em exercício, Geraldo Alckmin, encontrou-se com o vice-presidente Executivo da Comissão Europeia, Frans Timmermans,…
Cabo Verde: UCID quer que Governo dê mais atenção aos vigilantes

Cabo Verde: UCID quer que Governo dê mais atenção aos vigilantes

O presidente da UCID, João Santos Luís, desafiou o Governo cabo-verdiano a rever o conceito da segurança privada e, no…
Brasil: Petroleiros querem que Lula trave negociações para interromper privatizações

Brasil: Petroleiros querem que Lula trave negociações para interromper privatizações

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) do Brasil encaminhou ofícios ao chefe da Casa Civil, Rui Costa e ao titular…
Brasil e UE discutem alianças estratégicas em Brasília

Brasil e UE discutem alianças estratégicas em Brasília

A ministra de Estado interina das Relações Exteriores do Brasil, Maria Laura da Rocha, encontrou-se com o vice-presidente Executivo da…