Nacional

Portugal vai enviar 160 militares para a República Centro Africana

O ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes, reuniu-se em Paris com o seu homólogo francês, Jean-Yves Le Drian, na última terça feira, para debater a presença de forças portuguesas na República Centro Africana (depois do pedido de ajuda formulado pelas autoridades francesas ao abrigo do artigo 42/7 do Tratado de Lisboa), a cooperação marítima no Golfo da Guiné e a questão líbia.

Em declarações ao jornalistas, no final do encontro, Azeredo Lopes a anunciou que “Portugal vai participar na MINUSCA [missão das Nações Unidas na República Centro Africana] com 160 homens das forças especiais”.

Quanto à segurança marítima no Golfo da Guiné, o Ministro da Defesa Nacional divulgou o reforço dos meios militares na região em cooperação estreita com São Tomé e Príncipe.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo