Nacional

Queixas por violência doméstica diminuem no primeiro trimestre deste ano

Nos primeiros três meses deste ano a Policia de Segurança Pública (PSP) e a Guarda Nacional Republicana (GNR) receberam 6 347 queixas por crimes de violência doméstica, menos 9,1% do que no mesmo período do ano anterior, 2019, em que foram registadas 6 980 participações.

De acordo com os dados oficiais divulgados, ontem, quinta-feira pelo gabinete da ministra de Estado e da Presidência, o número de homicídios em contexto de violência doméstica também baixou significativamente no período em análise. O número de mulheres assassinadas neste contexto foi o que registou a maior quebra percentual na comparação do primeiro de 2020 com 2019, com um decréscimo de 60% (de 10 homicídios para quatro).

Apesar destas estatísticas oficias, a Associação de Apoio à Vítima (APAV), já referiu que a pandemia pode ter escondido a realidade, com os agressores a substituir a violência física por “um tipo de violência mais silenciosa”, com agressões verbais, psicológicas e sexuais.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo