Presidente da República participa em evento sobre gestão de pessoas na lusofonia

“A 54ª edição da ‘International People’s Conference’ vai contar com o alto patrocínio do Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa”, confirmou a organização deste evento que será promovido pela Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas (APG), no dia 20 de outubro, no Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa.

O objetivo desta iniciativa da APG é “conetar os países lusófonos através de um programa de qualidade que vai contar com oradores de prestígio do Brasil e de Portugal. Temas como liderança, inteligência artificial, o bem-estar das pessoas, comunicação, neurociência aplicada à gestão, a gestão de pessoas em contexto europeu, o desenvolvimento de talento e o storytelling nos negócios estarão em pauta.

“O conceito não poderia ser mais simples. Andamos todos a dizer que vivemos na Era do “People Experience”, no momento em que as empresas têm de vincular as suas pessoas através das boas experiências que lhe proporcionam. Nós, na APG, gostamos de arrojar e pensar ao contrário. Entendemos que vivemos é na Era do “Experiencie People”, um momento incrível e desafiador de experienciar as Pessoas, as suas emoções, aquilo que têm de melhor: Ser Humanos. Para além disso, esta fase, quase de “laboratório de pessoas” nas empresas, é a fase de repensar, reconstruir, recriar e reposicionar o papel de todos e de cada um nas nossas organizações”, explicou Pedro Ramos, presidente da APG.

Segundo este responsável, o alto patrocínio do presidente português ao evento mostra a importância desta conferência, além de ajudar a “promover, incentivar e mobilizar o país e os cidadãos para os desafios e as oportunidades que se colocam em Portugal”. “O alto patrocínio constitui uma chancela e um contributo do Presidente da República para a concretização de ideias que tenham em vista o desenvolvimento do País.”

A maior Experiência Global de Gestão de Pessoas, segundo a organização, espera mais de 30 oradores e, destaca Pedro Ramos, permitirá aos participantes conhecer as “melhores práticas no mundo em matéria de gestão de pessoas”. “No fundo é um laboratório gigante de experiências com as pessoas e para as pessoas nas empresas”, finalizou Pedro Ramos.

Ígor Lopes

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Angola e Hungria avança com Memorandos de Entendimento

Angola e Hungria avança com Memorandos de Entendimento

Angola e Hungria assinaram dois Memorandos de Entendimento nesta segunda-feira, 03 de junho, em Budapeste, capital húngara.  Após a assinatura dos…
Zelensky considera Trump um “Presidente falhado” se propuser mau acordo de paz

Zelensky considera Trump um “Presidente falhado” se propuser mau acordo de paz

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, partilhou que o ex-Presidente dos Estados Unidos da América (EUA) e que concorre novamente ao…
EUA consideram que cabe ao Hamas aceitar cessar-fogo em Gaza

EUA consideram que cabe ao Hamas aceitar cessar-fogo em Gaza

O secretário de Estado dos Estados Unidos da América (EUA), Antony Blinken, afirmou que cabe ao movimento islamita palestiniano Hamas aceitar…
Moçambique: Nyusi viaja até à Coreia para participar em Cimeira

Moçambique: Nyusi viaja até à Coreia para participar em Cimeira

O chefe de Estado moçambicano encontra-se na República da Coreia desde a noite de domingo, 02 de junho. Nyusi deslocou-se até…