Revista de Imprensa Lusófona de 24 de janeiro de 2023

A “Carta de Moçambique” noticia “Terrorismo: Filipe Nyusi diz que nenhuma província está ‘imune’ a grupos armados”. No “MMO Notícias” lê-se “Renamo pede demissão do Governo pela ‘implementação desastrosa’ da TSU”.

Em Cabo Verde “A Semana” publica “Portugal anuncia amortização da dívida de Cabo Verde integralmente reinvestido em fundo a favor do clima”. A “Inforpress” refere “Conta Geral do Estado 2019: TC aponta ‘erros irregularidades e discrepâncias’ – PAICV”.

Sobre São Tomé e Príncipe o “Jornal Transparência” escreve “Governo são-tomense pede apoio da UE para aplicar recomendações de relatório sobre eleições”. A “Téla Nón” destaca “Sociedade civil prepara II inquérito de percepção da corrupção em STP”.

“Fundador do Chega expulso do partido impugna decisão junto do TC”, indica o “Público” em Portugal. O “Expresso” informa “Salário de dirigentes da nova agência que vai substituir o SEF pode chegar aos oito mil euros”.

O “Portal de Angola” divulga que o “MNE russo chega hoje a Angola para encontros bilaterais”. De acordo com o “Correio da Kianda”, a “UNITA fica com segunda e quarta vice-presidência no Parlamento”.

No Brasil a “Folha de S.Paulo” partilha que a “PF mistura inteligência artificial e trabalho manual para identificar vândalos dos três Poderes”. O “Estadão” menciona que o “Governo quer esvaziar militares no GSI e pode vincular Abin à Presidência”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Goa: Membro da Assembleia Legislativa junta esforços pelo meio ambiente

Goa: Membro da Assembleia Legislativa junta esforços pelo meio ambiente

Sankalp Amonkar, membro da Assembleia Legislativa de Goa, apelou a nove vereadores da Assembleia para se juntarem a ele na…
Angola considerado país "não livre" pela Freedom House

Angola considerado país "não livre" pela Freedom House

Angola está entre os países considerados “não livre” no respeito pelos direitos políticos e liberdades civis, de acordo com a…
Macau: Quase 26 mil não residentes foram contratados nos últimos 12 meses

Macau: Quase 26 mil não residentes foram contratados nos últimos 12 meses

Os dados divulgados, esta semana, pela Direção dos Serviços para os Assuntos Laborais, indicam que as empresas de Macau contrataram…
FMI prevê que economia de Timor-Leste deverá crescer 3,5% em 2024

FMI prevê que economia de Timor-Leste deverá crescer 3,5% em 2024

O Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que a economia timorense vá crescer 3,5% neste ano de 2024, de acordo com…