capa da Revista de Imprensa Lusófona

Revista de Imprensa Lusófona de 26 de Junho de 2018

“Cabo Delgado: PGR [Procuradoria-geral da República] busca parcerias para combate ao crime”, destaca o jornal “Notícias”, adiantando que a PGR “está em busca de melhores mecanismos de prevenção e combate das novas manifestações criminais que se registam na província de Cabo Delgado, onde homens armados assassinam pessoas inocentes e queimam residências”. A “Folha de Maputo” refere que “PR Nyusi condena ataques que se registam em Cabo Delgado”, acrescentando que o presidente de Moçambique “assegurou que o Governo não vai descansar até que os seus actores e colaboradores sejam neutralizados e responsabilizados pelos seus actos criminosos”.

O “Jornal de Angola” informa que “PGR já recebeu de Portugal processo de Manuel”, confirmando ontem a “recepção, da sua congénere de Portugal, da certidão integral digitalizada do Processo Crime nº 2738/18.78 LSD, que corria trâmites no Juízo Central do Tribunal da Comarca de Lisboa, na sequência da sua transferência para procedimento criminal em Angola”. A “Folha 8” avança que “Não são pães, senhor. São poços de petróleo”, referindo-se à “ENI [que] anunciou hoje [ontem] uma nova descoberta de petróleo no bloco 15/06, no «offshore» angolano, com reservas que a petrolífera italiana estima entre de 230 a 300 milhões de barris de petróleo. Petrolífera italiana soma… poços e lucros”.  

Em relação ao julgamento do ex-presidente do Brasil, Lula da Silva, “O Globo” avança que “Fachin [ministro do Supremo Tribunal Federal – STF ] manda recurso em que Lula pede liberdade para plenário do STF – A data do julgamento será marcada pela presidente do Supremo, ministra Cármen Lúcia”. A “Folha de S. Paulo” noticia que “Procurador envolvido no caso JBS é denunciado – Marcello Miller e o empresário Joesley Batista são acusados de corrupção pelo Ministério Público”.  

A “STP Press” informa que “Já estão criadas condições para as eleições de 2018, diz o Presidente da CEN [Comissão Eleitoral Nacional], recebido hoje por PR”. O jornal “O Parvo” refere que “Subida dos preços de combustíveis em STP [São Tomé e Príncipe] Governo diminui gastos do Estado”.  

Na área da segurança, em Cabo Verde, “Paulo Rocha [Ministro da Administração Interna] diz que criminalidade diminuiu 19% em 2018”, menciona “A Nação”. A “Inforpress” avança também na área da segurança que a oposição, o “PAICV diz que criminalidade «continua a aumentar» e questiona Governo” no parlamento cabo-verdiano.  

A “Rádio Timor-Leste” adianta que o país “reforça laços com a Austrália e a Indonésia, diz Lu-Olo [presidente timorense]”.  

No domínio da justiça, o jornal “O Democrata” destaca que o “Bastonário de advogados da Guiné-Bissau acusa magistrados de «venderem» despachos”.  

O portal institucional da Guiné Equatorial informa que “Presidente realiza audiência com primeiro-ministro da Guiné-Bissau” em Malabo.  

Em primeira página, o jornal “Público” refere que “Mais de 233 mil consultas de oftalmologia ficaram por fazer em 2017”. O “Diário de Notícias” põe em destaque: “Madeira ilegal do Congo entra na Europa através de Portugal“.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Ciclone Tropical GOMBE destrói e mata em Nampula

Moçambique: Ciclone Tropical GOMBE destrói e mata em Nampula

O Ciclone Tropical “GOMBE”, o terceiro fenómeno meteorológico a afectar as províncias da Zambézia, Nampula e Cabo  Delgado depois das…
Brasil: Missão de solidariedade resgata 68 refugiados da guerra na Ucrânia 

Brasil: Missão de solidariedade resgata 68 refugiados da guerra na Ucrânia 

Pousou em solo nacional na manhã desta quinta-feira (10) o avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que trazia 42 brasileiros…
Moçambique conta com forças militares da África do Sul até abril

Moçambique conta com forças militares da África do Sul até abril

O Presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, decidiu estender até 15 de abril o destacamento da Força Nacional de…
Timor-Leste em risco de grave crise nos preços com conflito na Ucrânia

Timor-Leste em risco de grave crise nos preços com conflito na Ucrânia

O Programa Alimentar Mundial (PAM) avisa que o conflito existente na Ucrânia pode vir a causar aumentos adicionais de preços nos produtos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin