Brasil: Evento em Portugal promete mostrar um Brasil “criativo e sustentável”

A cidade portuguesa de Vila Nova de Gaia recebe, entre os dias 6 e 9 de junho, a primeira edição internacional do Brasil Origem Week (WOW), um evento de gastronomia, cultura, moda, palestras e negócios, que destaca produtos autorais e de alta qualidade de pequenas e médias empresas de todas as cinco regiões brasileiras. Segundo os seus organizadores, esta iniciativa servirá como “uma ponte a ligar dois países-irmãos”, com entrada livre e com direito a degustação.

“São 524 anos de relação entre Brasil e Portugal. Precisamos estreitar ainda mais os laços e construir uma ponte cultural e de negócios sobre o Oceano Atlântico para que possamos trabalhar realmente como países-irmãos que somos. Debater o passado permite escrever o futuro. O Brasil pode fazer Portugal maior e Portugal fazer o Brasil melhor”, explicou Marco Lessa, CEO do Grupo M21 e idealizador do evento.

O espaço para palestras, que ganhou o nome de auditório Amazónia, será ocupado por nomes de peso, como Eduardo Bueno. Autor de mais de 30 livros, o historiador e escritor tornou-se no primeiro brasileiro a editar simultaneamente quatro títulos entre os cinco primeiros nas listas de mais vendidos do país. No Brasil Origem Week, Bueno fará uma palestra com informações e reflexões na mesma linha dos seus vídeos no canal de YouTube “Buenas Ideias”, que conta com mais de 1,4 milhões de seguidores. Bueno estará à frente da temática: “Brasil e Portugal – idas e vindas”. Além de Bueno, vão participar no debate o arqueólogo Sérgio Pereira e o historiador Gonçalves Guimarães.

Nas artes, o Brasil Origem Week contará com a exposição “Deusas da Água” de Christina Oiticica, que já teve o seu trabalho exposto em 17 países. Christina, que vive na Suíça com o marido, o escritor Paulo Coelho, é um dos principais expoentes da Land Art, técnica em que a natureza interage com o processo criativo e funciona como parte da experiência artística.

O evento contará ainda com a exposição “Retratos Sonoros”, do fotógrafo Daryan Dornelles. A mostra notabiliza-se principalmente pela versatilidade e pelo peso dos artistas fotografados. Fosse para capas dos discos ou para ensaios publicados nas principais revistas do Brasil e no estrangeiro, as lentes de Daryan captaram imagens exclusivas de Chico Buarque, Carminho, Marisa Monte, Dino D’ Santiago e Gilberto Gil, entre outros.

Com exposições em Inglaterra, Áustria, Itália, Liechtenstein, França (no Museu do Louvre), Eduardo Lima começou a sua arte no sertão da Bahia e ganhou o mundo com obras expostas na casa de celebridades como o influencer Felipe Neto e o ator Rodrigo Lombardi. O seu trabalho mostra uma face moderna das artes plásticas do Brasil. Para o Brasil Origem Week, o baiano traz “Raízes do Sertão Nordestino”.

O fórum para investidores terá muitos painéis, tais como: “Um Brasil de Oportunidades, “Segurança Jurídica e relações bilaterais entre Brasil e Portugal”; “Portos irmãos para a Europa”; “Bahia: Invista onde o Brasil começou”; “O Pará, a COP 30 e o futuro da Amazónia”; com grandes nomes como Caubi Arraes, Gonçalo Botelho, Patrícia Iglesias, Cláudio Cairo Gonçalves, Rui Gomes da Silva, entre outros.

No sábado, dia 8, vai decorrer o Fórum Mulher – Empreendedorismo e Desafios com workshops com Balbina Alves (A magia das cores na identidade pessoal) e Cristina Lambermount (Posicionamento e postura no mercado de trabalho). Além disso, um fórum sobre empreendedorismo trará um debate entre mulheres bem-sucedidas, em Portugal, como a empresária Pati Lemos, a advogada Catarina Zuccaro e a coach Cristina Lambermount.

Na moda haverá diversos desfiles com peças exclusivas vindas do Brasil de marcas que estão disponíveis na Casa Brasiliana, primeiro hub de produtos brasileiros em Portugal. Serão 19 marcas, incluindo a paraense Belém Andrade, especializada em estampas de cacau, e a paulista Sol Moreno, especializada em beachwear.

Na gastronomia, além de degustação de produtos tipicamente brasileiros, haverá palestras e showcookings com chefs como Ana Sales, do Abrazô, e Carol Brito, do famoso Acarajé da Carol, e Natasha Marques, pasteleira especializada em cookies que já trabalhou com os chefs Ricardo Costa e Rui Paula, ambos já agraciados com a estrela Michelin.

Dentro do Brasil Origem Week ainda acontecerá o Douro Bossa Jazz. Nos dias 7 e 8, na Área aberta Lodge 6 do WOW, com a participação de Danilo Caymmi, Carla Visi e Maíra Freitas.

Danilo, que atuará no dia 7 de junho, é filho do lendário Dorival Caymmi e integrante da banda que acompanhou Tom Jobim durante mais de dez anos. No mesmo dia, Carla Visi, que comandou a banda Cheiro de Amor, cantará sucessos da carreira. No dia 8, será a vez da jazzista Maíra Freitas atuar. A filha de Martinho da Vila mostrará as canções do seu último álbum, “Ayé Orum”, editado em 2023. Até 31 de maio, o Douro Bossa Jazz tem preços promocionais, custando o bilhete diário 25 euros e 40 euros para os dois dias.

O Brasil Origem Week 2024 é uma realização da MVU Empreendimentos/Grupo M21, em parceria com o WOW, Governo da Bahia, Governo do Pará, Embaixada do Brasil, Câmara Luso Brasileira e Casa Brasiliana.

Ígor Lopes

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Oito funcionários do Departamento da Migração de Lilongue e mais dois civis foram, esta quinta-feira (11), detidos por suspeita de…
Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

A InovCluster – Associação do Cluster Agroindustrial do Centro, uma das mais destacadas instituições no setor, localizada em Castelo Branco,…
Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

O antigo Primeiro-ministro e líder da APU-PDGB, Nuno Gomes Nabiam, acusou, esta quinta-feira, 11 de Julho, o Presidente da República…
Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Na terça-feira (9) a vila de Macomia, centro de Cabo Delgado, ficou agitada na sequência de uma manifestação da população…