África Subsaariana | Ásia

Zimbabwe: Emmerson Mnangagwa agradece à China pela solidariedade constante

O presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa, agradeceu na quinta-feira ao governo chinês pelo seu apoio e solidariedade constantes ao país.

No ano em que se assinala o 40º aniversário do estabelecimento de relações diplomáticas entre a China e o Zimbabwe, Mnangagwa reconheceu que a China tem estado continuamente ao lado do país durante os tempos de necessidade e especialmente em fóruns internacionais.

“Continuamos a contar com o apoio da República Popular da China em todos os fóruns internacionais onde o assunto do Zimbabwe é discutido”, disse Mnangagwa durante uma reunião virtual com o embaixador chinês no Zimbabwe, Guo Shaochun.

“Vocês apoiaram-nos nos fóruns e estamos gratos pela solidariedade fraterna e pelo apoio que nos deram e também continuaremos a apoiar a política de impulso e não ingerência da República Popular da China, seja em nosso continente ou internacionalmente”, acrescentou.

Mnangagwa referiu que a China continua a dar apoio a vários campos da economia do Zimbabwe, incluindo saúde, energia, aeroportos, educação e agricultura.

O presidente manifestou o apoio à posição da China sobre o multilateralismo contra a busca de interesses mesquinhos por algumas grandes potências.

A China também está entre os principais países que fizeram várias doações ao Zimbábue na luta contra a pandemia Covid-19, disse. “Mais importante ainda, quando não tínhamos nada, sentimos que a China era realmente uma grande amiga porque veio em nosso socorro num momento em que estávamos mais expostos por falta de equipamento”, disse Mnangagwa.

Por sua vez, Guo agradeceu ao Zimbabwe pelo apoio à luta da China contra a pandemia, garantindo que, se a investigação e o desenvolvimento da vacina Covid-19 forem bem-sucedidos, será acessível e economicamente viável para países em desenvolvimento como o Zimbabwe.

Durante o encontro virtual, o embaixador chinês doou 120 computadores, que serão distribuídos para escolas de todo o país.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo